Busca avançada



Criar

Vídeo

Eu sempre quis ser tudo

Sinopse

Neste vídeo Ketty conta que achava que não gostava de literatura, pois ela não se identificava com as histórias que lia, sentia falta de se sentir representada. Conta também da importância do Movimento Hip Hop em sua vida, relembra de alguns trabalhos, faculdade e do nascimento da livraria Africanidades, que é um resumo de suas vivências.

Tags

Outras informações

Ano: 2021
Creditos: Camila Santos



Rua Natingui, 1100 - São Paulo - CEP 05443-002 | tel +55 11 2144.7150 | cel +55 11 95652.4030 | fax +55 11 2144.7151 | atendimento@museudapessoa.org
Licença Creative Commons

Museu da Pessoa está licenciado com uma Licença
Creative Commons - Atribuição-Não Comercial - Compartilha Igual 4.0 Internacional