Busca avançada



Criar

Vídeo

Andreia Evangelista, por Ulisses Amorim

Sinopse

Sinopse do vídeo: Andreia Aparecida nasceu em 1978 na cidade de São Paulo. Filha de pais adictos, cai nas ruas, virando usuária muito cedo. Após ser sequestrada e levada para o centro, consegue escapar, mas se prostitui para sustentar seu vício, tornando-se moradora da Cracolândia. Após sofrer muita violência, incentivada pela filha, amigos e a religião, livra-se das drogas e conquista o primeiro emprego registrado. Hoje é auxiliar de limpeza e sonha em gravar sua primeira música. --- Este vídeo compõe a mostra audiovisual (Entre)vivências Negras, uma mostra virtual de produções audiovisuais de autoria negra, a partir de histórias de vida de pessoas negras do acervo do Museu da Pessoa. A iniciativa é parte da programação Vidas Negras, em cartaz no Museu da Pessoa entre setembro de 2020 e janeiro de 2021. O vídeo foi editado por Ulisses Amorim Rodrigues Maria e conta a história de Andreia Aparecida Evangelista. Sobre o autor: Ulisses Amorim tem sua formação como roteirista pela Escola Roteiraria, além de ter cursado Dramaturgia na Escola Livre e Artes Cênicas no Senac. É integrante do Grupo de Pesquisa AP43 de Cinema e do Coletivo Drible Narrativo. Contemplado no 3º Laboratório Negras Narrativas em 2018, idealizado pela APAN, com uma série que está em busca de captação, possui uma peça de teatro já montada e atualmente dois curtas-metragens em fase de produção. Acesse mostra.museudapessoa.org

Outras informações

Ano: 2020
Creditos: Ulisses Amorim Rodrigues Maria



Rua Natingui, 1100 - São Paulo - CEP 05443-002 | tel +55 11 2144.7150 | cel +55 11 95652.4030 | fax +55 11 2144.7151 | atendimento@museudapessoa.org
Licença Creative Commons

Museu da Pessoa está licenciado com uma Licença
Creative Commons - Atribuição-Não Comercial - Compartilha Igual 4.0 Internacional