Busca avançada



Criar

Imagem

Retrato da família Gorodecka, avós paternos de Krystyna Drozdowicz (1 de 2)

Sinopse

Retrato da família Gorodecka, avós paternos de Krystyna Drozdowicz. Nome dos personagens: 1 - Avó Sarah Gorodecka. 2 - Rohl Gorodecka, esposa de M.G. 3 - Michel Gorodecka, filho de Sarah. 4, 5, 6 - três filhos de Rohl e Michel. 7, 8 - Taibel e Schmoel (é vivo, mora em Israel num Kibutz) (filhos de Asprinc). 9 - Shprinze Gorodecka (filha), emigrou para Israel, se casou e foi morar nos Estados Unidos da América. 10 - Icek Gorodecka, marido de Asprinc com filho no colo. 11, 15 - Schmoel e Abraham (filho). 12 - Rochl (Raquel) (filha) casada com Jacob (13). 13 - Yankl (Jacob) (primo). 14 - Merl, também filha do casal. 16 - Leibl (filho mais novo) emigra para os EUA mais ou menos em 1930 e 1935. 17- Raquel (filha). Sarah (a avó) tinha mais dois filhos: Zalman (pai de Krystyna) e Berl, que não está na foto. Era uma família média em Ianov (perto de Pinsk). Histórico: A maioria dos membros desta família pareceu em 1941 (no final do ano). Quando a Alemanha começou a guerra com a URSS, em junho de 1941, depois de mais ou menos um mês chegou à cidade de Ianov, de maioria de habitantes judeus, e os exterminaram. Observações: a avó Sarah morreu de câncer com aproximadamente oitenta anos de idade. O filho Michel (03) morreu do coração com aproximadamente quarenta anos de idade. O filho Asprinc, Schmoel (08) e a filha Raquel (17) emigraram para Israel antes da guerra, foram para um Kibutz. Leibl (16), filho mais novo, emigrou para os Estados Unidos em 1936. Um filho de Michel e Rohl (2 e 3) salvou-se quando ela (Rohl = Raquel), atacou oficiais alemães na hora de serem fuzilados. Quando os alemães acabaram com o gueto de Ianov, todos os judeus da cidade se enfileiraram para serem enviados para campo de concentração. Neste momento, Raquel pula no pescoço de um oficial alemão nazista e diz para os filhos fugirem. Raquel foi fuzilada na hora, mas seu filho conseguiu fugir. Raquel (número 12) e Jacob (número 13), casamento entre primos, ele era membro do partido Bund. Eram riquíssimos. O resto todo da família foi assassinado em Ianov, 1942, quando foram levados pelos nazistas para serem fuzilados no bosque, tendo que cavar antes suas próprias covas. Dois irmãos que estão na foto: Zalman Gorodecka, pai de Krystyna Drozdowicz, foi morto em 1941, Treblinka; Berl Gorodecka, emigrou para os Estados Unidos em 1912.

Tags

Outras informações

Local: Ianov, Polônia
Ano:1926
Creditos: Desconhecido



Rua Natingui, 1100 - São Paulo - CEP 05443-002 | tel +55 11 2144.7150 | cel +55 11 95652.4030 | fax +55 11 2144.7151 | atendimento@museudapessoa.org
Licença Creative Commons

Museu da Pessoa está licenciado com uma Licença
Creative Commons - Atribuição-Não Comercial - Compartilha Igual 4.0 Internacional

+