Busca avançada



Criar

Imagem

Intimação recebida pela mãe de Samuel Rozenberg para fechar sua loja (1 de 4)

Sinopse

Documento 1: Documento enviado pelas autoridades alemãs intimando os judeus a fecharem suas lojas e entregarem as mercadorias. "A partir desta data é proibido aos judeus terem atividades comerciais ou qualquer outra por sua conta (2 de março de 1942)". Documento 2: Comunicado enviado pela Associação dos Judeus da Bélgica comunicando aos judeus donos de firma que a Alemanha negou pedido de não liquidação das firmas de propriedade de judeus (24 de março de 1942). E sugere que os donos de firmas entrem com pedidos individuais, já que o coletivo foi negado. Três dias depois se inicia a deportação de judeus. Malka Chaja kasza, mãe de Samuel Rozenberg, era proprietária de uma pequena confecção. Era costureira e teve sua firma "cassada" pelos alemães. Idioma: Francês, Alemão e Holandês.

Tags

Outras informações

Local: Bruxelas, Bélgica
Ano:03/1943
Creditos: Acervo pessoal



Rua Natingui, 1100 - São Paulo - CEP 05443-002 | tel +55 11 2144.7150 | cel +55 11 95652.4030 | fax +55 11 2144.7151 | atendimento@museudapessoa.org
Licença Creative Commons

Museu da Pessoa está licenciado com uma Licença
Creative Commons - Atribuição-Não Comercial - Compartilha Igual 4.0 Internacional

+