Busca avançada



Criar

História

Poema pesquisa

História de: KEROLLYNE
Autor: Paula Rubens
Publicado em: 04/08/2021

Sinopse

O poema de Kerollyne Gominho traduz os sentimentos vividos enquanto pesquisadora, em busca de entender a extensão dos danos causados pela desterritorialização forçada da população de sua terra natal, atingida pela barragem de Itaparica.

Tags

História completa

Kerollayne Cavalcante Gominho, nasceu em Petrolândia-PE, no ano de 1994, sua Trisavó Maria Cavalcante Nunes, foi a primeira professora do povoado da Várzea Redonda e uma das primeiras do Município. É filha de Amilson e Claudiane, Feirantes, neta de Toinha e Mário Gominho, também de Preta e Sancho da feira. Irmã de Amilson Filho. Morou na cidade natal até seus 19 anos, em 2014 foi estudar em Garanhuns-PE, onde se formou em 2018 pela Universidade de Pernambuco, como Bacharela em Psicologia. Realizou Residência Multiprofissional (2019-2021) em Atenção Hospitalar com ênfase em gestão do cuidado no Hospital Regional Dom Moura (HRDM) pela Escola de Governo em Saúde Pública de Pernambuco (ESPPE). Tem experiência na área de Psicologia e Saúde, atuando principalmente nos seguintes temas: semiárido, territorialidade, interiorização, participação política, memória coletiva e melancolia. Permanece em Garanhuns, atualmente trabalha como Psicoterapeuta na modalidade presencial e online. Pós-graduanda em Psicologia infantil. Seu poema, em vídeo traduz os sentimentos vividos enquanto pesquisadora em busca de entender a extensão dos danos causados pela desterritorialização forçada da população de Petrolândia , sua terra natal, atingida pela barragem de Itaparica.

Ver Tudo

Outras histórias


Ver todas


Rua Natingui, 1100 - São Paulo - CEP 05443-002 | tel +55 11 2144.7150 | cel +55 11 95652.4030 | fax +55 11 2144.7151 | atendimento@museudapessoa.org
Licença Creative Commons

Museu da Pessoa está licenciado com uma Licença
Creative Commons - Atribuição-Não Comercial - Compartilha Igual 4.0 Internacional

+