Busca avançada



Criar

História

O sentido do bairro e o ofício de Nossa Senhora dos Alagados

História de: Maria do Carmo Neves Cesário
Autor: Coleção Alagados
Publicado em: 15/01/2021

Sinopse

Carminha fala sobre a criação do Ofício de Nossa Senhora dos Alagados pelo padre José Leal, e canta um trecho.

Tags

História completa

O… o sentido do bairro? É procurar viver, se aproximar mais dos irmãos. Porque o sentido do bairro é bem difícil, mas a gente tem que ir no encontro, e orar muito por eles, porque do jeito que é esse bairro, foi grande intercessão de Nossa Senhora (...) No Ofício dos Alagados, Nossa Senhora dos Alagados. O Ofício! Quem fez esse ofício foi o Padre José Leal, você não conheceu (...) O Ofício de Nossa Senhora dos Alagados, é interessante a letra, ah, mas a gente fica… fica encantada como vê a sabedoria que Deus deu ao Padre José Leal. É contando tudo do bairro. E é mesmo. É contando tudo do bairro! *Trecho da oração do Ofício de Nossa Senhora dos Alagados cantada por Carminha: Ave, Virgem mãe de Deus Filho Deus o salve, Virgem esposa do Divino Espírito Santo Deus o salve, Virgem templo e sacrário da Santíssima Trindade. Agora moradores Uni-vos de bom grado Louvai Nossa Senhora Patrona do Alagado Maria ajudai-me Rezar com devoção Para alcançar de Deus A nossa salvação Ó Virgem padroeira Ouvi nossa oração Apresentai a Deus A nossa petição Santíssima Trindade A nossa adoração À Virgem e outros santos Nossa veneração Senhor nosso Deus, concedei-nos sempre saúde de alma e corpo, e fazei que pela intercessão da Virgem Maria, libertos das tristezas presentes, gozemos das alegrias eternas, por Nosso Senhor Jesus Cristo Vosso Filho, na unidade do Espírito Santo. Amém. Na falta de lugar Pra casa construir O povo começou O mar a invadir Por isso este bairro Se chama Alagado Ainda que agora Esteja aterrado Depois se fez a Igreja Para a Virgem Maria Que o Papa abençoou Pra nossa alegria Assim é a Paróquia Dita Nossa Senhora Dos Alagados feita Pra nós em boa hora Maria sempre Virgem Recebe nosso amor Porque sendo tão pobre Clamando o Salvador Santíssima Trindade A nossa adoração À Virgem e outros santos Nossa veneração Isabel exclamou Com a visitação Que a Virgem mãe lhe fez Quando nasceu João É grande minha dita Que a mãe do meu Senhor Chegou à minha casa Trazendo o Salvador Maria respondeu Com toda humildade Olhou que eu sou pequena De Deus é a bondade De fato a pobrezinha A noiva de José O anjo foi saudar Na casa em Nazaré Maria operária Aqui nós acolhemos Pra nossa padroeira Pois lutas sempre temos O Papa na Bahia Visita Alagados Benzeu a nossa Igreja Deixando o seu legado Discurso de valor Enobrecendo a vida Embora sofredora De Deus sempre querida Quem sabe que a Senhora Levou o seu filhinho Entende nossa imagem Moldada com carinho Maria, mãe de Deus É nossa protetora A quem nós invocamos Na hora sofredora Também ela sentiu Desprezo e a dor De ver o seu Jesus Profeta sofredor Na gruta de Belém Maria conservou No coração da mãe Quant´o pastor contou E soube meditar Sabendo a bondade Com muito sacrifício De Cristo à humanidade Foi à Jerusalém O Filho oferecer E ouve no profeta O que deve sofrer Para agradar a Deus E com satisfação Maria participa Da nossa salvação Por isso festejamos Maria com amor Pois ela acompanhou O Cristo Salvador Maria em Caná Serviu no casamento Aqui Nossa Senhora Nos traz o seu alento A glória de um santo Não é fazer milagre Mas é servir a Deus Fazendo caridade Milagre é de Deus Por isso o santo pede Que Deus convida à prece Favor então concede Vivendo nesta terra Maria impetrou Milagres de Jesus Que a todos alegrou Agora lá no céu Maria alcançará Milagres para o povo Que a festejará Em toda a Palestina Jesus ia pregando No grupo dos devotos Maria acompanhando No monte do Calvário Jesus morria Estava um apóstolo Ao lado de Maria Até a sepultura E no primeiro dia Acorre Madalena E a outra Maria Pois o mais importante É a ressurreição Pra garantir a todos Chegou a salvação Aqui nos Alagados O nome de Maria Conforta no sofrer E traz a alegria Jesus voltou ao Pai Após quarenta dias E deixa os apóstolos Rezando com Maria Aí lhes aparece Deus o Espírito Santo Formando a consciência Amenizando o pranto A Igreja vai crescendo E tendo em Maria Exemplo e ajuda Na dor e na alegria Agora lá no céu Pra onde é levada Triunfa junto a Deus Figura consagrada Maria em Alagados É nossa padroeira Exemplo de trabalho Na hora derradeira Recebei ó Senhora A nossa palavrinha Abençoai a vida Do povo que caminha Seguindo a lei de Deus E com satisfação Porque no fim da vida Espera a salvação

Ver Tudo

Outras histórias


Ver todas


Rua Natingui, 1100 - São Paulo - CEP 05443-002 | tel +55 11 2144.7150 | cel +55 11 95652.4030 | fax +55 11 2144.7151 | atendimento@museudapessoa.org
Licença Creative Commons

Museu da Pessoa está licenciado com uma Licença
Creative Commons - Atribuição-Não Comercial - Compartilha Igual 4.0 Internacional

+