Busca avançada



Criar

História

História de um ex-ferroviário

História de: Carlos Aquino
Autor: Roselene Maria Silva Rodriguez
Publicado em: 08/10/2018

Sinopse

ESCOLA MUNICIPAL RURAL CARLOS CÁRCANO E EXTENSÕES SINOPSE DA ENTREVISTA 24/08/2.018 ENTREVISTADO: CARLOS DE AQUINO CORREIA DA COSTA 1) Dados pessoais – Apresentação dos alunos entrevistadores; 2) Nome e local da escola dos alunos entrevistadores; 3) Apresentação do entrevistado; 4) Dados pessoais do entrevistado; 5) Comparação entre o passado e o presente da comunidade; 6) Eventos e festas em que o entrevistado participou; 7) Construção da escola; 8) Seus filhos estudaram na escola; 9) Primeiros professores; 10) Participação na comunidade; 11) Primeiro presidente da Associação de Moradores; 12) Atual presidente da Associação de Moradores; 13) Estação ferroviária do Assentamento Urucum; 14) Sua função na ferrovia; 15) Trem de passageiro; 16) Saudades; 17) Mensagem.

Tags

História completa

MEMÓRIAS DE UM EX-FERROVIÁRIO Nós, alunos do 4º ano do Ensino Fundamental I, da Escola Municipal Rural Polo Carlos Cárcano e Extensões, fizemos uma apresentação para o Projeto Museu da Pessoa, onde entrevistamos o Sr. Carlos Aquino Correia da Costa, um dos mais antigos moradores do Assentamento Urucum, que nos contou que tem quatro filhos, sendo eles Valquíria Correia da Costa, Isaura Correia da Costa, Carlos Correia da Costa e Valmir Correia da Costa. Apresentou sua esposa de nome Iza Maria Correia da Costa. Contou que ele fez vários eventos em sua casa, que trabalhou como ferroviário do Assentamento Urucum, mas, que agora ele é aposentado. Disse que naquela época, a estação ferroviária era muito movimentada, já que o trem de passageiro passava todos os dias por aqui, animando a comunidade. Em sua entrevista, emocionado ele contou que tem lembranças das primeiras professoras de nomes Maria José de Souza e Maria Aparecida Campos. Lembrou que a primeira escola era cercada de lasca de acuri, que foi presidente de esporte, e que participou do Colegiado da nossa escola. Também foi presidente da diretoria da Igreja São Francisco de Assis, da comunidade católica do Assentamento Urucum, e que, quando era criança, gostava de brincar com bolitas, de esconde-esconde, jogar bola, andar de bicicleta, jogar queimada, entre outros. Para terminar a entrevista, nosso entrevistado, o Sr. Carlos deixou-nos uma mensagem muito importante, de que todos nós devemos respeitar ao próximo, para que possamos ser respeitados. Por fim, agradecemos a presença, a compreensão e a importância dele ter nos relatado muitos fatos interessantes da sua vida e da comunidade em que a escola está construída. Para todos nós, alunos, direção, coordenação e professores foi um grande aprendizado.

Ver Tudo

Outras histórias


Ver todas


Rua Natingui, 1100 - São Paulo - CEP 05443-002 | tel +55 11 2144.7150 | cel +55 11 95652.4030 | fax +55 11 2144.7151 | atendimento@museudapessoa.org
Licença Creative Commons

Museu da Pessoa está licenciado com uma Licença
Creative Commons - Atribuição-Não Comercial - Compartilha Igual 4.0 Internacional

+