Busca avançada



Criar

História

Assalto na secretaria da Igreja N. Sr.ª. dos Alagados

História de: Hilda Almeida dos Santos
Autor: Coleção Alagados
Publicado em: 29/07/2020

Sinopse

Apesar dos temores em relação à violência na região, Hilda aceitou a transferência da secretaria da Igreja Nossa Senhora dos Alagados para a colina. No dia da mudança, para sua surpresa, o padre e duas outras pessoas que transportavam as caixas para o novo escritório viriam a ser vítimas de um assalto.

Tags

História completa

Quando eu comecei na secretaria eu fiquei assim, na casa de uma paroquiana, que ela emprestou uma sala. Depois eu fui lá para a capela, lá pro fundo da capela que tinha uma sala e a gente fez uma sacristia, depois eu vim para aqui. Com o padre Bernard eu vim para aqui. Contra a vontade, brigando com ele, mas... Porque aquela área era uma área muito vulnerável né, era não, é uma área muito vulnerável. Porque tem muito ladrão né, eles roubam mesmo, andam armados, usam drogas. Então eu tinha muito medo deles irem assaltar as pessoas na secretaria. A gente trabalha com dinheiro né. E também as pessoas que subiam as escadas eles iam assaltar, eu tinha muito medo. Então enquanto eu pude lutar pra não ir... Mas ele fez a sala, fez aquilo tudo bonito! Ele dizia: "- Minha filha, lá fica melhor porque você fica perto de mim, eu fico perto de você", e aqui não, como é que fica? Mesmo assim eu: “- Não!” No dia da mudança, ai Cesar foi buscar a mudança né. Ele tinha uma Kombi, ai eu trabalhava muito com Márcia, Márcia trabalhava comigo e um outro rapaz. Ai eu arrumei as caixas tudo, botei na Kombi de Cesar e Márcia veio. Veio Marcia com outro menino e Cesar. E o padre já estava aqui. Quando eles chegaram aqui, entraram, botaram as coisas dentro do novo escritório e eu fiquei lá para esperar outra viagem deles. E nada desse povo chegar, meu Deus o que aconteceu? Quando chegaram lá, não sei quanto tempo depois. Todo mundo quieto, e eu: “- Eta que vocês demoraram tanto! Já arrumaram a sala toda é?” “- Eu não lhe conto o que foi, nós fomos assaltados”. “- Assaltado?” Sabe o que eles fizeram? Botou a arma em Cesar e no outro rapaz e obrigou eles a bater, a abrir o portão do salão, lá da secretaria pra assaltar porque queria dinheiro, queria dinheiro. E o padre Bernard estava lá. Eles botaram todo mundo de joelhos né. Botaram Márcia, Cesar, o outro menino de joelho, querendo dinheiro, querendo dinheiro. O padre quando desceu chegou lá: “- O que é isso aqui?” Todo mundo de joelho (risos). E ele com a arma na mão, e ele [padre]: “- Seu moleque eu lhe conheço e conheço a sua mãe, abaixe essa arma!”. E ele: “- Não oh padre eu quero dinheiro, oh padre o senhor vai chamar a polícia, você vai chamar a polícia padre?” Ele disse: “- Não, eu não vou chamar a polícia não, mas você vai...Vai embora agora.” “- Padre me dê um dinheiro aqui, eu só quero um dinheiro”. Ali a gente já enfrentou muitas coisas assim. Muuuuitas coisas! E o padre, padre Bernard enfrentou muitas coisas! De assalto, de roubo, de ficar preso lá dentro sem poder sair, ele teve que chamar a polícia para poder tirar ele de lá. Não é a toa que ele botou os cachorros, aquela coisa toda ali né. Então no primeiro dia da mudança (risos) aconteceu isso. Na inauguração. O menino foi embora. Quando chegaram lá eles me contando né. Aí eu fiquei assim, está vendo porque eu não queria ir? Mas graças a Deus para honra e glória do Senhor eu tenho lá o que: desde 2005... 2006... 2005, 2006 eu acho, que eu trabalho ali em cima. Melhorou, melhorou porque a própria polícia, muitos morreram né, que eram mais violentos. Muitos morreram. E depois a própria polícia marca assim, acho que já conhece os que rouba. Graças a Deus, roubo e assalto diminuiu bastante.

Ver Tudo

Outras histórias


Ver todas


Rua Natingui, 1100 - São Paulo - CEP 05443-002 | tel +55 11 2144.7150 | cel +55 11 95652.4030 | fax +55 11 2144.7151 | atendimento@museudapessoa.org
Licença Creative Commons

Museu da Pessoa está licenciado com uma Licença
Creative Commons - Atribuição-Não Comercial - Compartilha Igual 4.0 Internacional

+