Busca avançada



Criar

História

As senhoras de Mesquita

História de: Irmãs de Mesquita
Autor: Lia Cristina Lotito Paraventi
Publicado em: 04/11/2019

Sinopse

O que seria de nossas vidas sem momentos agradáveis, não é mesmo? As senhoras Elisabeth e Eliete nos proporcionaram com muita delicadeza e alegria, conhecimentos enriquecedores ao contarem suas histórias de vida, com as mudanças do município de Mesquita, cidade da Baixada Fluminense, do estado do Rio de Janeiro. Venha você também adquirir conhecimentos com estas histórias gostosas de serem ouvidas.

Tags

História completa

Elizabeth e Eliete são moradoras do município de Mesquita, há 50 anos. Município este que fica localizado na Baixada Fluminense, no estado do Rio de Janeiro. Elas são professoras aposentadas e contaram como era Mesquita antigamente e como é hoje. A senhora Elisabeth com muita paciência, carinho e atenção contou que trabalhou Como professora do estado do Rio de Janeiro 34 anos, estudou sempre no município de Mesquita, onde veio morar quando tinha 18 anos. Sempre gostou de dar aula, e teve uma vida profissional dedicada a seus alunos. Nos falou também que Mesquita antigamente não tinha muitas casas, não tinha comércio e tinha poucos transportes, era um bairro do município ao lado, Nova Iguaçu. Disse que só havia duas linhas de transporte e que ficava muito tempo no ponto para pegar o ônibus, não tinha água encanada, pegavam água no poço. Mas que apesar das dificuldades gostava da calmaria e dos menos casos de violência. Eliete, era mais falante, com muita alegria, entusiasmo, falou de seu tempo como professora, com amor à profissão e contava também com detalhes toda transformação que o município de Mesquita teve ao longo dos anos, onde veio morar em Mesquita ainda criança. Atuou 20 anos como professora, contou que o município com o seu crescimento foi emancipado virando uma cidade independente de Nova Iguaçu e que a padroeira de Mesquita é Santa Terezinha, tendo uma igreja no centro do Município com este nome. Nos contou também que antigamente em Mesquita a vida era mais pacata, com menos violência, faziam festas na rua, as crianças brincavam na rua até tarde, havia mais características de zona rural, o leite era retirado direto da vaca, por exemplo. As senhoras nos contaram também que hoje em dia, as ruas de Mesquita estão asfaltadas, tem mais transportes como o trem e bastante comércio, mercado, açougue, hortifruti, há mais áreas de lazer fechadas como clube e parque e que o município precisa de melhorias. Foi muito bom conhecer melhor o município e a história de vida dessas senhoras.

Ver Tudo

Outras histórias


Ver todas


Rua Natingui, 1100 - São Paulo - CEP 05443-002 | tel +55 11 2144.7150 | cel +55 11 95652.4030 | fax +55 11 2144.7151 | atendimento@museudapessoa.org
Licença Creative Commons

Museu da Pessoa está licenciado com uma Licença
Creative Commons - Atribuição-Não Comercial - Compartilha Igual 4.0 Internacional

+