Busca avançada



Criar

História

A vida me trouxe até aqui.

História de: Tia Joana
Autor: Meirinalva
Publicado em: 08/11/2018

Sinopse

Amor, união, esperança, amizade, família, preserverança, conquistas e vitórias

Tags

História completa

Joana Gomes de Oliveira nasceu na fazenda São José em Taquaruçu, município de Palmas Tocantins, antigo norte de Goiás. Aos quatro dias do mês de Julho de 1968. Filha de Agostinho Gomes de Oliveira e Maria dos Anjos Nunes Barros. O seu pai era lavrador e sua mãe do lar. Com ela seus pais tiveram dez filhos, sendo oito meninas e dois meninos. Teve uma infância muito simples, vivendo na fazenda São José, com seus pais e sues irmãos. Gostava muito de brincar de pular corda, jogar bola, cair no poço, nadar, cantar e estudar. Mais as brincadeiras preferidas era cantar, nadar e estudar.

 

O seu maior sonho quando crescesse era ser cantora. Mas teve dois momentos que marcou sua infância, o primeiro foi a sua professora Terezinha Alves Moreira, do 1º ano, devido ser uma professora muito meiga e carinhosa na maneira de tratá-la. E o segundo era como ia para a escola, que era a pé com os seus irmãos. Ao vir morar em Porto Nacional, aos treze anos, para continuar estudando, para isso teve que morar por uns tempos com alguns irmãos que já moravam na cidade de Porto Nacional, e uns tempos com os seus tios, trabalhando como babá para continuar estudando, para ela era muito difícil, por que não era a mesma coisa, de como morar com os seus pais.

 

A sua juventude foi muito boa, teve muita liberdade, os pais sempre aconselhava a fazer as coisas certas e a mesma era muito obediente gostava de escutar seus pais. Conheceu o seu esposo João Medrado O. Negre, com quem teve suas duas filhas Lorrane dos Anjos e Graziella dos Anjos, que são seus maiores tesouros. Mais tarde separou do seu esposo, criando suas filhas sozinhas. O seu sonho era ser cantora, mas decidiu ser professora, a partir de quando passou a ser catequista para uma turma na igreja Cristo Operário, optando em fazer o curso de Magistério. Atuando como professora por muitos anos, mais devido ter surgido um problema na fala, ao forçar a voz em sala de aula, teve que se afastar da mesma, sendo então desviada de função, e foi lotada na biblioteca, que já faz oito anos, como bibliotecária, mas sempre dando suporte com a sua profissão de professora. E sempre dedicando, gostando do que faz. Seu sonho é aposentar, cuidar dos filhos e netos. E ter uma velhice tranquila. 

Ver Tudo

Outras histórias


Ver todas


Rua Natingui, 1100 - São Paulo - CEP 05443-002 | tel +55 11 2144.7150 | cel +55 11 95652.4030 | fax +55 11 2144.7151 | atendimento@museudapessoa.org
Licença Creative Commons

Museu da Pessoa está licenciado com uma Licença
Creative Commons - Atribuição-Não Comercial - Compartilha Igual 4.0 Internacional

+